Projeção das Eleições para os Governos Estaduais

Por Thiago Rego de Queiroz (*)

 

Nas eleições de 2014, dos 27 atuais governadores, 18 disputarão a reeleição, sendo que oito aparecem como favoritos e cinco dificilmente conseguirão renovar seus mandatos. Tomando como base as pesquisas eleitorais, o tempo de propaganda no rádio e na televisão e as estruturas partidárias de cada candidato (poder político + poder econômico), podemos distribuir as candidaturas à reeleição em quatro grupos, conforme as chances eleitorais:

i.            o primeiro grupo, integrado pelos candidatos favoritos, tem Tião Viana (PT/AC), Beto Richa (PSDB/PR), Raimundo Colombo (PSD/SC), Geraldo Alckmin (PSDB/SP) e Jackson Barreto (PMDB/SE);

 ii.            o segundo grupo, formado pelos candidatos com ligeiro favoritismo, tem Marconi Perillo (PSDB/GO), Luiz Fernando Pezão (PMDB/RJ) e Chico Rodrigues (PSB/RR);

iii.            o terceiro grupo, composto por candidatos com chances razoáveis, tem Simão Jatene (PSDB/PA), Ricardo Coutinho (PSB/PB), Tarso Genro (PT/RS) e Confúcio Moura (PMDB/RO); e

iv.            o quarto grupo, cujos candidatos possuem menor chance de reeleição, tem Camilo Capiberibe (PSB/AP), José Melo (PROS/AM), Agnelo Queiroz (PT/DF), Zé Filho (PMDB/PI) e Sandoval Cardoso (SD/TO).

Em 13 estados – Alagoas, Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso, Paraná, Pernambuco, Piauí, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins –, as pesquisas apontam que o governador poderá ser eleito ainda em primeiro turno; em oito estados – Acre, Ceará, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba e Rio Grande do Norte –, o cenário está em aberto quanto à decisão em primeiro ou em segundo turno; e nos seis estados restantes – Amapá, Distrito Federal, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia e Roraima –, a tendência é que a contenda seja decidida apenas no segundo turno. 

Nas eleições de 2010, o PSDB foi o partido que mais elegeu governadores, oito no total, logo atrás aparecia o PSB, com seis, o PT e o PMDB, com cinco cada, o DEM, com dois, e, por fim, o PMN, com um. Nas eleições de 2014, contudo, a tendência é que o PMDB seja o grande vitorioso em número de estados governados pelo partido. A partir de 2015, os peemedebistas poderão governar entre cinco e dez estados. O PSDB e o PT poderão governar entre três e sete estados cada, o PSB entre dois e quatro, o PSD entre um e três, o PDT entre um e dois, o DEM e o PCdoB um cada, o PP e o PR entre zero e dois.

PMDB

1.        Eduardo Braga (AM) – Favorito*

2.        Jackson Barreto (SE) – Favorito*

3.        Marcelo Miranda (TO) – Favorito*

4.        Paulo Hartung (ES) – Favorito*

5.        Renan Filho (AL) – Favorito*

6.        Luiz Fernando Pezão (RJ) – Ligeiro Favoritismo *

7.        Henrique Eduardo Alves (RN) – Boas Chances*

8.        Eunício Oliveira (CE) – Boas Chances*

9.        Helder Barbalho (PA) – Boas Chances

10.     Confúcio Moura (RO) – Chances Razoáveis

PSDB

1.        Beto Richa (PR) – Favorito*

2.        Geraldo Alckmin (SP) – Favorito*

3.        Marconi Perillo (GO) – Ligeiro Favoritismo*

4.        Cássio Cunha Lima (PB) – Ligeiro Favoritismo*

5.        Simão Jatene (PA) – Boas Chances*

6.        Expedito Júnior (RO) – Boas Chances*

7.        Pimenta da Veiga (MG) – Pouca Chance

PT

1.        Delcídio do Amaral (MS) – Favorito*

2.        Tião Viana (AC) – Favorito*

3.        Wellington Dias (PI) – Favorito*

4.        Fernando Pimentel (MG) – Ligeiro Favoritismo*

5.        Camilo Santana (CE) – Boas Chances

6.        Tarso Genro (RS) – Boas Chances

7.        Agnelo Queiroz (DF) – Pouca Chance

PSB

1.        Paulo Câmara (PE) – Favorito*

2.        Rodrigo Rollemberg (DF) – Favorito*

3.        Chico Rodrigues (RR) – Ligeiro Favoritismo*

4.        Ricardo Coutinho (PB) – Boas Chances

PSD

1.        Raimundo Colombo (SC) – Favorito*

2.        Robinson Farias (RN) – Boas Chances

3.        Lucas Barreto (AP) – Alguma Chance

PDT

1.        Pedro Taques (MT) – Favorito*

2.        Waldez Góes (AP) – Ligeiro Favoritismo*

DEM

1.        Paulo Souto (BA) – Favorito*

PCdoB

1.        Flávio Dino (MA) – Favorito*

PP

1.        Ana Amélia (RS) – Boas Chances*

2.        Suely Campos (RR) – Boas Chances

PR

1.        Anthony Garotinho (RJ) – Alguma Chance

2.        Jofran Frejat (DF) – Alguma Chance

*Lideram as pesquisas de intenções de votos


 

(*) Tecnólogo em Redes de Computadores, Graduando em Direito e Diretor da Queiroz Assessoria Parlamentar e Sindical.